Análise Samsung Book X40: Vale a pena?

A Samsung lançou vários notebooks aqui no Brasil em 2020 para substituir alguns modelos que já são populares no mercado. O Samsung Book X40 é um desses notebooks que agora vai substituir o Expert X40, aparelho da empresa que fez sucesso entre os intermediários com placa de vídeo dedicada.

O novo notebook chega com visual totalmente renovado e processador de última geração, seguindo a tendência dos lançamentos de outras marcas. No entanto, o restante das configurações acaba sendo “mais do mesmo”, com o mesmo chip de vídeo do seu antecessor, tela de resolução HD e a falta de um SSD de fábrica.

O Manual do Comprador preparou uma revisão baseada em toda a ficha técnica do Book X40, veja abaixo.

Design

Lançado em 2020, o Book X40 chegou com visual totalmente redesenhado. A Samsung seguiu a tendência dos notebooks mais modernos e reduziu algumas medidas, sem afetar os recursos oferecidos pelo aparelho. A primeira diferença que você pode notar é o formato, que é mais “quadrado” nas bordas do que os modelos anteriores da empresa, que são um pouco mais gordos e arredondados.

(Foto: Divulgação/Samsung)

No entanto, ele ainda tem seu acabamento todo em plástico, disponível em duas cores diferentes: branco ou prata. Em sua parte inferior o Book X40 conta com as saídas de ar, alto falantes e também acesso rápido ao HD RAM, o que facilita muito na hora de fazer upgrade ou até mesmo dar manutenção.

(Foto: Divulgação/Samsung)

Ao abrir o notebook você percebe que a Samsung optou novamente pela simplicidade, com um design simples e direto. Seu touchpad tem um tamanho bacana e é camuflado na pintura do chassi, enquanto o teclado ocupa quase todo o seu corpo, mostrando que é bem espaçoso. A tela tem bordas finas e dá uma sensação maior de imersão ao usuário.

Todas as portas e conexões ficam nas laterais, sendo uma entrada HDMI, uma USB-C, uma USB 3.0, uma USB 2.0, uma entrada de cabo de internet (RJ-45), um combo de áudio (fone de ouvido e microfone) e o tão querido microSD leitor de cartão. No lado wireless, o Book X40 conta com Wi-Fi e Bluetooth 5.0, o que garante uma conexão rápida com menos latência para dispositivos wireless.

(Foto: Divulgação/Samsung)

Tela

Para que os notebooks não custem muito, a Samsung faz cortes em alguns componentes, e o Book X40 não escapou disso na parte da tela. O painel deste aparelho tem 15,6 polegadas de tamanho e resolução HD, com recurso antirreflexo. Como um intermediário um pouco mais poderoso, muitos consumidores esperam uma tela melhor, mas essa é a maneira da empresa de torná-la mais acessível.

A Samsung não informa qual tecnologia é utilizada na tela, por isso é difícil dizer a real qualidade da imagem. O anúncio destaca bordas finas, que já comentamos sobre o tema do design, e um vídeo com “mais cores e contraste”.

(Foto: Divulgação/Samsung)

Teclado, touchpad e som

Como falamos no tópico de design, o teclado do Book X40 é bem espaçoso e agora ainda mais fácil de usar, pois as teclas são 10% maiores que seus antecessores, além de serem feitas de um material “ultra-resistente” . É padrão ABNT2 e possui numérico embutido, o que é uma benção para quem trabalha com números. Outra boa notícia é que o botão liga/desliga não fica no teclado, então não há dores de cabeça futuras com isso.

(Foto: Divulgação/Samsung)

O touchpad não traz nenhuma novidade, mas é um pouco maior que o modelo Expert X40. Ele é “camuflado” no corpo do aparelho, adotando a mesma pintura da moldura e sem nenhum detalhe. A Samsung não detalha suas funções, por isso é provável que chegue no modelo de outros notebooks do mercado, com clique mecânico, por toque e suporte a multigestos do Windows.

(Foto: Divulgação/Samsung)

Assim como o touchpad, o som não recebe destaque. O Book X40 possui dois alto-falantes de 1,5 W cada e tecnologia SoundAlive para aprimorar a qualidade do áudio. A desvantagem é que eles estão localizados na parte inferior do aparelho, então o som pode ser facilmente abafado mesmo ao colocar o notebook sobre uma mesa.

Hardware e desempenho

O design não é a única novidade dos novos notebooks Samsung. A empresa também fez questão de colocar processadores de 10ª geração em todos eles, neste caso o i5-10210U, um modelo quad-core que tem 1,60 GHz de clock base, mas pode chegar até 4,20 Ghz com o turbo da empresa tecnologia. Não é a melhor linha de processadores si5, mas com este aparelho tem bom desempenho em algumas aplicações mais exigentes.

(Foto: Divulgação/Samsung)

Ele vem com 8 Gb de RAM de fábrica, o que é suficiente para uso comum e até mesmo para quem quer rodar alguns programas mais pesados. No entanto, você pode precisar de mais memória para poder atualizá-la, pois ela possui um slot disponível. A Samsung não informa qual é o valor máximo suportado pelo aparelho, por isso recomendamos que você entre em contato com o fabricante caso pretenda fazer isso.

Um dos destaques deste modelo Book X40 é a presença de uma placa de vídeo dedicada, a GeForce MX110, que possui 2 GB de memória. Não é uma placa avançada, mas já ajuda muito no desempenho e é melhor do que ter um modelo embutido. Com ele você poderá renderizar projetos em programas de modelagem 3D, usar editores de fotos e vídeos e até jogar alguns títulos mais leves, como Fortnite, Dota 2, LoL e outros.

(Foto: Divulgação/Samsung)

Para armazenar arquivos, ele possui um HD de 1TB, o que é comum em notebooks intermediários aqui no Brasil. O espaço é suficiente para a maioria dos usuários, mas o HD tem velocidades de leitura e gravação muito lentas, então acaba limitando o desempenho do Book X40, mesmo em tarefas básicas como navegar no sistema operacional.

Nossa recomendação é instalar um SSD, e é fácil fazer isso neste notebook já que ele possui um slot M.2 para a peça. Com isso, você pode usar um SSD para instalar o sistema operacional, programas e continuar usando o HD para armazenamento em massa.

Bateria

A bateria do Samsung Book x40 é de 43 Wh, mas a empresa não diz quanto tempo a bateria dura mesmo com uso moderado. A título de comparação, o Expert X40 tem uma duração de bateria de 4 horas no modo de desempenho superior. Como este dispositivo possui um processador mais recente e é teoricamente mais barato, é provável que obtenha entre 4 e 5 horas de duração da bateria por carga.

Extras

A Samsung destaca a facilidade de conectar o notebook ao celular para diversas interações. Por meio do aplicativo Samsung Flow, você pode visualizar a tela do seu celular ou tablet em seu notebook, interagir com alguns aplicativos e ainda receber notificações diretamente no seu computador. Além disso, você pode começar a escrever uma mensagem no seu computador e terminar no seu celular, ou vice-versa.

A empresa destaca ainda que suas configurações de Wi-Fi já estão preparadas para conectar o notebook com smart TVs de forma rápida e fácil, tudo para criar um “ecossistema tecnológico”.

(Foto: Divulgação/Samsung)

Conclusão: o Book X40 vale a pena?

Apesar de novo, o Book X40 acaba seguindo a fórmula antiga de vários notebooks do mercado, mas com um design mais atualizado e um processador de 10ª geração. Combine O fato de ter uma placa de vídeo dedicada o torna um bom modelo intermediário para aplicativos um pouco mais pesados ​​ou até mesmo alguns jogos, mas o custo disso é a presença de uma tela de resolução somente HD, além da falta de um SSD de fábrica .

O notebook é uma boa pedida para quem precisa de um modelo intermediário e já quer apostar na décima geração, mas seu preço de chegada aqui no Brasil não é muito atrativo. O Book X40 custa a partir de R$ 4.274 na época da publicação deste artigo, então por esse valor ainda é possível encontrar alguns aparelhos da geração anterior que possuem uma ficha técnica mais interessante, mesmo que não sejam tão “atualizados” .

Similar Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published.